Sustentabilidade

O Ambiente e a Sustentabilidade no Carnaval de Torres Vedras 

Para o Carnaval de Torres Vedras, a preocupação em torno de valores como a preservação do ambiente e a sustentabilidade é cada vez maior. Já em 2013, através do tema “Reciclagem”, o evento apelava ao sentido de responsabilidade ambiental dos foliões enquanto assumia uma clara aposta na reciclagem dos resíduos produzidos.

De forma a complementar o trabalho que já era desenvolvido neste âmbito, o Carnaval de Torres Vedras assume-se como um Eco Evento desde 2017, sendo o terceiro ano consecutivo em que se compromete a reduzir o seu impacto ambiental. A iniciativa proporciona formação e apoio no âmbito da gestão adequada de resíduos, disponibilizando uma contrapartida financeira que é calculada em função do desempenho ambiental do evento.

Foi desta forma que foram recolhidas e enviadas para a reciclagem cerca de 20 toneladas de resíduos durante as duas últimas edições do evento. Este ano, a compensação que resulte da quantidade de resíduos recolhidos seletivamente será entregue à Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Torres Vedras.

Também a Novo Verde, Entidade Gestora de Resíduos de Embalagens, se irá associar ao Carnaval de Torres Vedras 2019, prometendo a presença de 15 “ecopontos humanos” que irão representar várias figuras do nosso país. Fernando Pessoa, Amália, Eusébio, Cristiano Ronaldo, Florbela Espanca, Cristina Ferreira e Salvador Sobral são algumas das personagens que vão circular pelo recinto do Carnaval “mais português de Portugal” e contribuir ativamente para a deposição seletiva e reciclagem de embalagens de plástico metal, vidro e cartão.

“Reciclar-te assim, perdidamente” será a mensagem de Florbela Espanca para os foliões torrienses, enquanto Beatriz Costa dará voz a “Ai chega, chega, chega, chega o ecoponto”. As personagens vão estar presentes durante o Corso Escolar, na sexta-feira, e durante os Corsos Diurnos que decorrem no domingo e na terça-feira, dinamizando a recolha de resíduos. A iniciativa integra o conjunto de ações de educação e sensibilização ambiental levadas a cabo pela Novo Verde em parceria com a Comunidade Intermunicipal do Oeste, no âmbito do Programa Oeste Circular.

 

Ambiente e sustentabilidade na edição de 2019

Em 2019, o Carnaval de Torres Vedras voltou a apresentar o EcoCopo. Em causa está um recipiente de 200 ml que poderia ser reutilizado pelos foliões, reduzindo significativamente a utilização de copos de plástico, uma vez que apresentava um suporte para que seja transportado ao pescoço. O EcoCopo foi vendido na loja de merchandising do Carnaval de Torres Vedras, na loja Torres Vedras e nos bares aderentes, pelo valor de um euro. O Eco Copo foi disponibilizado pela primeira vez em 2017 e continua a contribuir para que este seja um evento cada vez mais ecológico.

Uma das novidades da edição de 2019 passou pela proibição de entrada e transação de garrafas de vidro e plástico. Além de pretender aumentar a segurança dentro do recinto, esta assumiu-se, ainda, como uma medida que permitirá a diminuição da utilização destes resíduos.

Na edição do Carnaval de Torres Vedras 2019 os foliões também tiveram a oportunidade de tornar o Carnaval num evento mais “verde”, participando numa recolha de copos de plástico que teve como oferta brindes oficiais do evento.

Sublinhe-se que, a par da separação de resíduos, foram ainda promovidas ações de sensibilização junto do comércio local, nomeadamente cafés, bares e restaurantes.

Nas últimas edições do evento, foram recolhidas e enviadas para reciclagem, em cada ano, cerca de 10 toneladas de resíduos. Neste sentido, o compromisso do Carnaval de Torres Vedras com a preservação do ambiente não só se tem revelado constante, como tem vindo a conseguir resultados cada vez mais significativos. O objetivo passa por continuar a reduzir a quantidade de resíduos produzidos no âmbito do evento, assim como aumentar a quantidade de resíduos reciclados.